:: Memorial ::
busca
Home Notícias Newsletter Sala de Imprensa Fale Conosco    
 
Por tipo
Arquivo
Cursos
Programação em PDF


  Últimos dias para conferir a exposição Só Fridas. Não perca!

A multicolorida exposição "Só Fridas" permanece no Memorial da América Latina somente até dia nove deste mês. São os últimos dias para conferir os trabalhos de alunos e professores da rede pública de ensino que, segundo o cônsul-geral do México, Salvador Arriola, correspondem a melhor homenagem ao centenário da pintora Frida Khalo. 

Como parte dos encerramentos, uma autêntica festa mexicana tomou conta da marquise do Pavilhão da Criatividade, nesta quarta, 5 de março. Boleros por mariachis em seus chapelões, artezanato a mão cheia, tequilas ardentes, tortilhas apimentadas ou não, música, bebidas e comidas típicas mexicanas fizeram a alegria da comunidade que participou da elaboração da mostra, de seus convidados e do público em geral.

A exposição Só Fridas foi concebida para homenagear o centenário de nascimento da artista Frida HKahlo (1907-1954), comemorado no ano passado. Todos os trabalhos expostos foram idealizados e confeccionados pelos alunos e professores da Escola Estadual Prof. Dr. Lauro Pereira Travassos, envolvendo as disciplinas de artes, português, história e língua inglesa. Os alunos participantes cursam o ensino médio e a suplência.

São pinturas, colagens e releituras de várias obras que permitem mostrar os diversos aspectos da vida da pintora, dos problemas de saúde que enfrentou desde que sofreu um acidente de carro, em 1925, quando tinha 18 anos, até outras complicações decorrentes.

A idéia do projeto surgiu em 2006, quando o CEU Alvarenga promoveu o Sarau Latino-americano que obteve grande sucesso de público. Na ocasião, os alunos da escola fizeram uma grande pesquisa no Memorial da América Latina, de onde conseguiram extrair materiais significativos para a elaboração das obras. A pesquisa englobou desde informações biográficas da artista, sugestões de imagens, cores e símbolos que retratassem a cultura mexicana. A primeira montagem da exposição ocorreu no CEU Alvarenga, no mês de outubro. A concepção é de Jacson Matos, Vagner Magrão, Tiedo Vidal e Bianca Matos.

Composta por uma seqüência de bonecas vestidas à moda de Frida e cenografia com papel machê, fotos, objetos alusivos etc, a exposição é norteada pelos sacramentos da religião católica, que vão se (con)fundindo, nas várias seções, com outras religiões e assuntos: Batismo, renascimento após acidente; Crisma, confirmação da carreira artística; Matrimônio, casamento com Diego Rivera; Comunhão, ideologias, ações sociais e políticas; Confissão, penitência, auto-reflexões, dores físicas, mentais e espirituais; Ordem, sacerdotismo, religiosidade, sincretismo, transmutação, xenofilia; e Extrema Unção, hora da morte, últimas horas.

Serviço:
Exposição "Só Fridas"
Período da mostra: 16 de dezembro a 09 de março (de terça a domingo, das 9h às 18h).
Local: Pavilhão da Criatividade/ Memorial da América Latina
Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664, Barra Funda
Telefone: (11) 3823-4600
Entrada franca.

 

5o Festival Latino-Americano de Cinema de S?o Paulo

O Impacto do Microcréditol

Biblioteca Virtual

Memorial Twitter

Memorial Twitter

Memorial Facebook

Cátedra Memorial da América Latina

III Festival Ibero-americano de Teatro

Memorial Twitter

   
2005 - Memorial da America Latina - Todos os direitos reservados | Como chegar | Horário